Profª Doutora Isabel Ferreira recebe nova bolsa ERC

Isabel Ferreira

A Professora Isabel Ferreira do Departamento de Ciência dos Materiais da FCT NOVAvolta a conseguir financiamento através do European Research Council (ERC). A Bolsa “ERC Proof of Concept” permite que a Investigadora tenha acesso a 150.000 euros por um período de 18 meses para desenvolver uma nova geração de baterias em alumínio e papel no âmbito do projeto “CAPSEL - Cellulose Aluminium Polymer multi-ions composite Solid-electrolyte”.

Atualmente as baterias eficientes dependem principalmente de eletrólitos líquidos (substâncias que podem produzir soluções eletricamente condutivas) e de lítio. Isabel Ferreira e os seus colegas desenvolveram um novo eletrólito sólido que poderia substituir eficientemente os eletrólitos líquidos. Contém celulose, alumínio e iões selecionados e é feito de forma simples e económica. Estes materiais são mais abundantes na natureza do que o lítio, são inofensivos para o meio ambiente e podem ser reciclados através de processos convencionais. Desta forma, segundo a Prof. Doutora Isabel Ferreira, as baterias de baixo custo desenvolvidas com o novo eletrólito seriam acessíveis aos países em desenvolvimento e às comunidades menos afluentes, e teriam um impacto ambiental positivo. Além disso, permitiriam uma vida útil mais longa e uma redução de peso e dimensão em comparação com as atuais baterias fabricadas à base de lítio.

As bolsas “ERC Proof of Concept” só estão disponíveis para investigadores que já obtiveram uma bolsa ERC tal como aconteceu com Isabel Ferreira em 2015. Este novo financiamento cobrirá as atividades desenvolvidas na fase inicial de transformação dos resultados da pesquisa numa proposta comercial ou socialmente valiosa, ou seja, nas etapas iniciais do desenvolvimento pré-competitivo.

A conquista deste financiamento confirma uma vez mais a aposta da FCT NOVA na investigação e na qualidade das suas equipas.

Na Imprensa

"Quatro portugueses distinguidos por Bruxelas recebem 150 mil euros" (Sábado)

"Quatro portugueses entre os 50 bolseiros distinguidos pelo programa de investigação da União Europeia" (Observador)

"Quatro portugueses distinguidos entre 50 bolseiros do ERC pelo programa ´Horizonte 2020´"(Jornal Económico)

"Quatro investigadores portugueses vão receber 150 mil euros de Bruxelas" (Sapo online)